Fórum de Tecnologia Musical na Expomusic 2010

CESAR CAMARGO MARIANO NA EXPOMUSIC 2010
A Quanta Educacional, uma das unidades do grupo Quanta Brasil, empresa de Tecnologia voltada para o áudio e vídeo e que está há 20 anos no mercado brasileiro, traz para a 27ª. Expomusic o Programa e-Som.
O programa utiliza a tecnologia digital aplicada à educação musical. A feira foi escolhida para ser o palco de um fórum de debates sobre o tema “A tecnologia na educação e no desenvolvimento musical”, no dia 25 de setembro, às 11h, no estande da Quanta Brasil. Um dos convidados confirmados é o maestro Cesar Camargo Mariano, como apoiador e pesquisador do projeto. A lei que passa a vigorar a partir de 2011 já mostra reflexos no segmento musical, não só no desenvolvimento de linhas de instrumentos musicais exclusivos para crianças, mas também na elaboração de metodologias de ensino. A proposta é desenvolver meios pelos quais as escolas e suas coordenações pedagógicas se valerão para dar cumprimento às exigências legais e extrair da Lei um valor pedagógico. 
O programa apresentado pela Quanta Educacional conta com a parceria de uma equipe de mestres e doutores em educação musical  e música eletrônica da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e com o CNPq – Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Testes de validação do método estão sendo aplicados em três escolas de São Paulo, uma pública, uma privada e uma ligada a um projeto social. No Rio Grande do Sul, testes estão sendo aplicados em uma escola pública. No fórum estarão presentes também, representantes das escolas que participam da pesquisa.
Sobre o ensino musical nas escolas
O ensino de música, tal qual foi praticado nas escolas brasileiras há 37 anos, não produziu os resultados esperados em relação à ampliação das possibilidades de aprendizagem escolar, tampouco de estimular os estudantes a prosseguirem nos estudos musicais. O modelo deve ser bastante diferente daquele que se mostrou ineficiente e desestimulador.
A proposta da Quanta Educacional é de formação musical e com possibilidades para qualquer estudante que não tenha conhecimento algum de teoria musical ou habilidade específica para aprendizagem de música possa descobrir que é capaz de produzir música por meios digitais – uma linguagem conhecida pelos estudantes e que facilmente estimula seu envolvimento.

O programa e-SOM foi desenvolvido pensando na inclusão digital musical. Utiliza softwares livres e gratuitos e equipamentos que são os comumente encontrados nos laboratórios de informática, usando esses computadores como instrumentos musicais – virtuais, com softwares de síntese de som e sequenciadores para gravação digital, editores de partituras e principalmente como um novo meio para pensar e produzir música.

Para ouvir a entrevista com o Coordenador do Programa e-SOM Jobert Michel Gaigher para a Rádio Cultura entre no link abaixo:

Radio Cultura
http://www.culturabrasil.com.br/programas/atencao-brasil/arquivo-5/programa-de-educacao-musical-sera-apresentado-durante-evento-em-sp

Confira abaixo algumas fotos do evento:

 


Siga minhas páginas nas redes sociais
FacebooktwitterpinterestlinkedinrssyoutubetumblrmailFacebooktwitterpinterestlinkedinrssyoutubetumblrmailby feather

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *